Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

smobile

conceitos sob o ponto de vista do observador

smobile

conceitos sob o ponto de vista do observador

O "mais nosso" é desejado







Na tarde em que a população tomou de assalto a Baixa Pombalina.

Sem mulheres nuas, sem sotaque brasileiro (o pouco existente, foi abafado pelas gaitas de foles), sem carros ricamente decorados ou gigantescos carros alegóricos carregados de sátira política. Eis o assalto em Lisboa.

Esta verdadeira procissão instigou quem observava a engrossar o número dos participantes no desfile.
Não foi assim surpresa ver, entre os mascarados, turistas e um número cada vez maior de não mascarados.

Foi um boa hora a descer os Restauradores, a fugir dos Caretos tímidos (um contra-senso, é verdade), a passar pelo Rossio, a atirar serpentinas na Rua Augusta e a terminar com uma fartura oleosa numa mão e um cartucho de castanhas na outra, no Terreiro do Paço.

Muito singelo, é verdade. Mas uma experiência muito engraçada.

- "E quem não salta, não é Castelo!"


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.