Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

smobile

conceitos sob o ponto de vista do observador

smobile

conceitos sob o ponto de vista do observador

"Que sa mort n'a pas été tout-à-fait naturelle"

"O assassínio, por exemplo, pode ser encarado sob o ponto de vista moral (o que acontece, geralmente, nos púlpitos e na Old Bailey) e é - confesso - o seu lado mais fraco; ou, ainda, ser abordado pela sua face estética, como lhe chamam os Alemães, isto é, em relação com o bom gosto."

QUINCEY, de Thomas, "Do Assassínio como uma das Belas Artes", Lisboa, Editorial Estampa, s.d., p. 11

A Estética do assassínio, debatido por um grupo inglês do século XIX.

 

Mais um grupo de senhores com muito tempo livre entre mãos, de mente muito fervescente, sempre do contra e quiçá, com algum ópio à mistura.

Dada a época, também não será de estranhar que na análise feita aos assassínios de Ratcliffe, e para espanto meu, rapidamente resvalasse para um desfecho tão tipico do XIX:

(o serial killer) "Foi sepultado no centro de um "quadrivium", isto é, na confluência de quatro caminhos (neste caso quatro ruas), com uma estaca espetada no coração. E sobre ele corre hoje o tumulto da turbulenta cidade de Londres." Idem, p. 120

 

Outro exemplo literário de uma época revolucionária mas muito taralhouca (e em muitos aspectos hipócrita) onde se proclama a ruptura e enaltece a Ciência, mas que no fundo é só fachada: todos os seus medos populares continuam enraizados no seu íntimo.

E o mais caricato serem considerações vindas das classes ditas "esclarecidas".

É tudo um logro.

 

 

A-do-ra-va ter uma máquina do tempo para lá dar um salto. :D

 

 

Link para a história dos Ractliffe - 12 capítulos com gravuras de época.