Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

smobile

conceitos sob o ponto de vista do observador

smobile

conceitos sob o ponto de vista do observador

1 + 1 = 2 VS 1/2 + 1/2 = 1

- "tu completas-me"...

 

É uma frase/ um conceito que rapidamente resvala para a indiferença ou vómito tal é tantas vezes aplicado no mundo cinéfilo, novelesco e literatura.

Existem os que, sem bom senso, transpõem isso para a sua vida real, sem compreender o seu significado nem tão pouco as consequências.

 

Isto não é ser romântico ou lamechas pegajoso. É ser ignorante, ou pior, assustadoramente dependente de outrem.

Agora que alguém "conhecido lá no bairro" regurgitou isto, talvez seja menos incompreendida (tadinha) ou menos comparada a objectos inanimados.

É tudo uma questão de comunicação (ou falha dela... eventualmente, ausência...).

 

 

"(...) O outro que é «tapa buracos». Os filmes e as músicas que ouvimos fodem-nos muito a cabeça. Estou por descobrir as letras que dizem: «o outro não é fita isolante». «O outro não tem culpa da minha falta de pai e mãe». «O outro existe por si só, respira sózinha e anda pelo seu pé. Ah, e já agora, eu também.» (...)"


"O que me obriga a desaparecer na pessoa com quem vivo para ser uma metade. Que caralho é isso? Eu sou inteira. E procuro um inteiro. Sou das que constrói e que adiciona. Na minha tabuada, um mais um serão sempre dois. Dois."

in Cenas de gaja